Adsense Teste

domingo, 4 de dezembro de 2016

E agora Fidel? - Uma reflexão sobre a morte.


Padre José Fortea, Exorcista espanhol, escreveu a alguns dia atrás o que acredito ser uma das mais coerentes reflexões de tudo o que ouvi e li durante estes tempos sobre a morte de Fidel Castro.

E achei importante publica – lá, pois precisa nos levar a uma profunda reflexão sobre a nossa vida, e também sobre a morte e a Eternidade. Pois nascemos para a Eternidade, mas a nossa Eternidade poderá ser uma 
Eternidade com Deus, ou uma Eternidade sem Deus. E diante de algumas tragédias que também aconteceram aqui no Brasil, vi muitas pessoas nas Redes Sociais comovidas, sendo solidarias, rezando e de alguma forma fazendo sua homenagem aqueles que se foram, e também aos seus familiares. Isso é bonito, pois mostra a compaixão do nosso povo, e aponta para nós uma forma de caridade diante de tanta indiferença que temos visto por ai!

Mas também vi diante destes fatos dolorosos que aconteceram, muitas pessoas publicarem desenhos destas pessoas já no céu, sendo recebidas no céu, recebendo medalhas no céu e coisas do tipo…

Refleti a respeito disso, e confesso que causou em mim uma certa preocupação, como se ganhar a Salvação fosse algo simples que bastasse sermos “bonzinhos” e pronto; poderíamos ganhar o céu!

Mas na Palavra de Deus, o Senhor nos mostra sempre que há dois caminhos a seguir:
 Um que nos levará a Vida e outro que nos levará a Morte. Jesus não foi simplista ao falar da condenação eterna, e nem maquiou o Inferno como algo quase impossível de acontecer!

Entrar no mérito se alguém foi salvo ou não, certamente não compete a nós isso! Saber se no ultimo suspiro tiveram ou não a possibilidade de se arrependerem, também não poderemos nunca afirmar. Mas certamente se seguirmos a Palavra de Deus e a Doutrina da Igreja Católica Apostólica Romana, veremos indicativos de como andarmos nos caminhos de Deus e a forma de realizarmos a Sua vontade, e a clareza de que a condenação eterna é real, e por isso precisamos lutar para ganharmos o Céu!

Por isso achei tão edificante esta reflexão que o Padre Fortea nos trouxe sobre a morte de Fidel Castro e as manifestações que foram feitas sobre o mesmo.

Deus lhe deu 90 anos para sua alma se converter, para entender, para pedir perdão. Pedir perdão as suas milhares de vítimas, a seus milhões de oprimidos…Pedir perdão a Deus, a si mesmo. Perdoar a si mesmo para seguir vivendo com dignidade, para não viver sob o remorso, sob o peso de uma culpa esmagadora, para não viver como Macbeth, como um animal encurralado, encurralado e mordido pela sua própria consciência.

Agora o tempo se acabou para Fidel Castro. Agora não há mais força, nem santo e nem Anjo que lhe possa conseguir perdão. Ele que sentenciou a tantos, agora mesmo esta sentenciado, e já não encontrará mais perdão nem neste mundo e nem no céu.

Fidel Castro, que não teve piedade de tantos que suplicaram Misericórdia, se não encontrou o perdão, já não o encontrará nunca mais. Ele que trouxe o Inferno para a vida de muitos, se ele mesmo entrou no inferno, agora certamente sofre com seus olhos abertos. Ele que sempre teve os olhos de sua consciência fechados, agora vê. No Inferno ou nas espantosas moradas da Purificação, destinadas a monstros como ele, agora se vê sofrendo…Mas por fim vê.

Agora de nada servem de ajuda todas as inumeráveis manifestações na Praça da Revolução que podem elevar a sua honra, e nem todos os artigos diários de seu partido, exalta – lo ao céu. Tudo isso…já não serve. Agora está só, com sua alma. Fechado na terrível prisão de sua alma. No reino obscuro de Satanás ou nas prisões imateriais de purificação, seu destino estava o esperando. Durante 90 anos, seu destino Eterno estava o esperando.

Mas o que sei é que ele está em uma morada ou em outra, e o que não nos resta nenhum tipo de dúvida é que a Justiça se abateu sobre sua pequena e miserável alma. A única dúvida, a única, é se sua espantosa situação durará séculos ou séculos sem fim!”.

Já deixo claro que apesar do Padre Fortea ser “firme” em alguns momentos, ele não escreveu em hora alguma, que Fidel Castro foi condenado ao Inferno. Pois certamente terão aqueles que irão colocar nos comentários que o padre não pode escrever que Fidel Castro foi condenado e etc…etc…etc…Não há problemas no texto em relação a isso, ok?!

Espero realmente que com esta breve reflexão, possamos entender que a Vida Eterna é uma conquista, e que precisamos todos os dias querê – la e agir conforme este querer!
Que o Senhor nos ajude em nosso caminhar!

Deus abençoe você!


Danilo Geraldo
_________________________________________

Canção Nova