quarta-feira, 17 de junho de 2015

O que é preciso para fazer a Crisma?


Boa Tarde,

Sou de Arujá e estou tendo alguns problemas para poder fazer a crisma de minha sobrinha na qual serei a madrinha. O pessoal da igreja cada dia exige uma coisa gostaria de saber o que na verdade precisa para fazer a crisma. Grata. (Fátima Pérola).

Olá Fátima, 

na pergunta você não mencionou as dificuldades enfrentadas para podermos fazer uma abordagem específica da situação, porém, vamos responder à sua pergunta: o que é preciso para fazer a crisma?

Todo batizado, ainda não confirmado, pode e deve receber o Sacramento da Confirmação (Crisma). Mais do que a idade, o pastor deve se preocupar com a maturidade dos fiéis na fé e com sua inserção numa comunidade cristã viva. No entanto, só satisfaz pastoralmente a indicação de uma idade que torne o crismando  capaz de obedecer mais perfeitamente ao Cristo Senhor e dele dar firme testemunho pessoal. No contexto pastoral e social de hoje, propõe-se uma idade mínima para começar a preparação para este Sacramento, 14 anos (a diocese estipula a idade igual ou superior a esta). 

A preparação dos crismandos nunca seja inferior a um ano (a duração da preparação para a crisma é estipulada pela diocese jamais inferior a 1 ano). Durante este período os crismandos devem ser inseridos, sempre mais, na vida da Igreja: Missa dominical, sacramentos da penitência e da eucaristia e o engajamento na ação pastoral, com encontros semanais, dias de formação, tempos especiais dedicados à oração, retiros espirituais, contatos com a realidade onde vivem, oportunidades que permitam uma maior interiorização dos conteúdos e a abertura de coração à ação do Espírito Santo.

No momento da inscrição para a Crisma, os candidatos, além dos seus dados pessoais, deverão apresentar a Certificação do seu Batismo (se forem batizados), através de algo que comprove, afim de assegurar-lhe a recepção do sacramento.

Os crismandos devem colaborar com a espórtula do Sacramento da Crisma. (O valor é definido por cada diocese). 

Assista ao crismando um padrinho (ou madrinha), a quem cabe cuidar que o crismado se comporte como verdadeira testemunha de Cristo e cumpra com fidelidade as obrigações inerentes a esse sacramento. É conveniente (não obrigação) que se assuma como padrinho (ou madrinha) o mesmo que assumiu esse encargo no Batismo.

Para que alguém desempenhe o encargo de padrinho (ou madrinha), é necessário que preencha as condições exigidas pela Igreja para este encargo:

1. Seja designado pelo próprio crismando, por seus pais ou por quem lhes faz as vezes, ou, na falta deles, pelo próprio pároco ou ministro, e tenha aptidão e intenção de cumprir esse encargo;

2. Tenha completado dezesseis anos de idade;

3. Seja católico, crismado, já tenha recebido o sacramento da eucaristia e leve uma vida de acordo com a fé e o encargo que vai assumir;

4. Não tenha sido atingido por nenhuma pena canônica legitimamente irrogada ou declarada;

5. Não seja pai ou mãe (nem namorado/a) do crismando.

É importante lembrar que estas são as normas gerais, porém, pode acontecer que o candidato ainda não tenha sido batizado e/ou feito a primeira eucaristia. Nesse caso um exemplo que acontece em algumas paróquias da Arquidiocese de São Luís é que tendo completado 15 anos, o candidato mesmo ainda não tendo sido batizado e/ou feito a 1ª eucaristia, se inscreva na catequese de crisma e se prepare para o batismo, crisma e a eucaristia (e matrimônio, se for o caso). O candidato pode, se as normas diocesanas permitirem, receber gradualmente os sacramentos que ainda não recebeu: batismo, confissão e eucaristia (e matrimônio) no decorrer da preparação

Em geral também existe uma pequena taxa de inscrição a ser estipulada por cada comunidade paroquial.  

Na catequese de crisma com adultos, é comum encontrar casais que moram juntos e por isso estão em situação irregular. Neste caso, eles serão orientados a receber o sacramento do matrimônio para regularizar a sua situação antes da crisma pois o casal em união estável sem o sacramento do matrimônio é impossibilitado de receber qualquer sacramento.

Para maior aprofundamento sobre este sacramento, recomendamos a leitura da seguinte matéria: Os 7 Sacramentos da Igreja: 2º Sacramento - Crisma


Esperamos ter respondido a sua pergunta e desde já agradecemos o contato, paz e bem!

Um comentário:

  1. Gostaria de me informar meu filho acabou de fazer a eucaristia na quarta etapa é obrigatório ele terminar a quarta etapa sendo que ele já fez a primeira comunhão

    ResponderExcluir