Adsense Teste

terça-feira, 4 de abril de 2017

Panamá, América Central e México receberão Cruz Peregrina e ícone da Virgem da JMJ


Uma delegação de 200 pessoas de várias dioceses do Panamá e de países da América Central e do México receberá a Cruz e o ícone da Virgem Maria Salus Populi Romani, advocação mariana padroeira da Jornada Mundial da Juventude.

Os objetos religiosos serão entregues pelos jovens poloneses no dia 9 de abril, na Missa de Domingo de Ramos que o Papa Francisco presidirá às 10h (horário local) na Praça de São Pedro.

A delegação é presidida pelo Arcebispo do Panamá, Dom José Domingo Ulloa; o Bispo de David, Cardeal José Luis Lacunza; o Bispo de Chitré, Dom Rafael Valdieso; e o Bispo auxiliar do Panamá, Dom Uriah Asley.

O Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida convocou as delegações para participar, entre os dias 5 e 9 de abril deste ano, do Encontro Internacional “De Cracóvia ao Panamá – o Sínodo em Caminho com os Jovens”, no qual será feita a avaliação da JMJ Cracóvia 2016. 

Além disso, em 6 e 7 de abril, a partir das 9h, serão realizadas sessões de trabalho sobre o Sínodo dos Bispos para outubro de 2018, que tem como tema central “Os jovens, a fé e o discernimento vocacional”.

Em 8 de abril, Dom Ulloa explicará o significado da JMJ Panamá 2019 para a região centro-americana, apresentará formalmente o Comitê Organizador Local e os aspectos pastorais e organizativos e a equipe de trabalho da Conferência Episcopal do Panamá.

A Arquidiocese do Panamá também realizará uma vigília juvenil, a espera do recebimento da Cruz Peregrina, a partir das 20h do dia 8 de abril, até às 9h do dia seguinte, na Paróquia Nossa Senhora de Lourdes.
_____________________
ACI Digital