segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

EUA: Desconhecidos profanam cemitério católico



A Delegacia de Nova York (Estados Unidos) está investigando como um “possível crime de ódio” o ataque ao Cemitério da Santa Cruz (Holy Cross Cemetery) em East Flatbush, Brooklyn.

Segundo informou a Diocese de Brooklyn, no dia 9 de janeiro, às 8h30, um administrador do cemitério descobriu que 63 lápides e monumentos tinham sido demolidos, incluindo uma escultura de 1,80 metros de São José, a qual é representativa do santuário. 

A Diocese indicou que “os funcionários de Holy Cross estão trabalhando para restaurar todos os monumentos”; entretanto, “a estátua do santuário, propriedade do cemitério, foi quebrada em várias pedaços e não pode ser restaurada”.

“Estes são lugares sagrados de enterro, lugares sagrados de pessoas que morreram”, disse a porta-voz da Diocese de Brooklyn, Carolyn Erstad, à imprensa local.

“As famílias vêm aqui para visitar seus entes queridos. Tem um profundo significado espiritual, um significado religioso e é muito perturbador quando alguém entra e profana um lugar sagrado que significa muito para uma família”, expressou.
________________________
ACI Digital