Adsense Teste

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

China ordenará seu segundo bispo com a aprovação do Papa


A China está se preparando para ordenar o segundo bispo com a aprovação do Papa Francisco. A ordenação episcopal terá lugar na província de Henan, onde o padre Cosmos Ji Chengyi assumirá a sede de Zhumadian.

Na semana passada, aconteceu a ordenação de Dom Joseph Zhang Yinlin como bispo coadjutor de Anyang, tornando-se o primeiro bispo ordenado em mais de três anos.

Na China existem entre 8 e 12 milhões de católicos divididos em duas comunidades, uma Igreja oficial liderada pela Associação Patriótica Católica Chinesa, que se reporta ao Partido Comunista, e outra subterrânea que está em comunhão com Roma.

O porta-voz da diocese de Henan padre Li Jianlin, disse terça-feira que tanto Dom Zhang como o padre Ji têm a aprovação da Santa Sé. Além disso, ele explicou que a Igreja local está se preparando para a ordenação e ainda não há um horário estabelecido.

"Os católicos estão emocionados porque esta é a primeira vez desde a fundação da província de Henan que haverá uma cerimônia de ordenação reconhecida por ambos os lados", disse padre Li, referindo-se a aprovação de Pequim e do Vaticano. 

O último bispo foi ordenado em 07 de julho de 2012: Dom Thaddeus Ma Daqin como auxiliar de Xangai. Mas agora, o prelado está sob prisão domiciliar no seminário de Sheshan, depois de apresentar sua demissão em protesto contra a Associação Patriótica Católica Chinesa, controlada pelo Governo.

Um especialista do Holy Spirit Study Centre, órgão da Diocese de Hong Kong, acredita que tais ordenações são "sinais positivos de que o governo chinês está mais aberto". Nos últimos meses foram registrados alguns sinais de reaproximação nas difíceis relações diplomáticas entre a China e a Santa Sé.
__________________________________

ZENIT