Adsense Teste

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Bélgica: Fiéis interrompem a comemoração da "Reforma" na Catedral Católica rezando o Rosário


Um grupo de jovens católicos foi detido pela polícia por ter interrompido as comemorações dos 500 anos da 'Reforma' Protestante no principal templo católico da capital belga, para "comemorar" o quinto centenário da heresia protestante.

A Catedral de Bruxelas organizou uma comemoração conjunta católica-protestante da "reforma" iniciada por Lutero heresiarca no sábado. Quando o pastor protestante começou a pregar, um grupo de jovens católicos começou a rezar o Rosário, uma oração "ofensiva" para os protestantes, que desprezam qualquer tipo de culto a Nossa Senhora.


A pregação no ato ecumênico foi realizada pelo pastor Steven Fuite, presidente do sínodo da Igreja Protestante Unida da Bélgica (EPUB)O cardeal Jozef de Kesel, arcebispo de Malinas-Bruxelas, participou da cerimônia com outros líderes religiosos e leigos.

Quando o pastor começou a falar, jovens católicos, fiéis ao Senhor e a sua Mãe, começaram a rezar o Rosário em voz alta, o que fez com que Steven Fuite não continuasse sua pregação.


Pouco a pouco, os policiais se aproximaram e ordenaram aos fiéis católicos que encerrassem a oração, eles se recusaram e cerca de 40 minutos, os jovens foram expulsos da Catedral e detidos para que não ofendessem com sua postura (de joelhos) e sua oração (à Virgem Maria) aos hereges reunidos ali.


Em 25 de outubro, Steven H. Fuite declarou à Agence Belga que a paz ecumênica reinava agora entre igrejas cristãs ...
________________________________
Com informações: InfoCatólica/ Le Soir/ Senza Pagare