Adsense Teste

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Frade de 80 anos é amarrado durante assalto a convento no Espírito Santo


Frei Pedro Engel, de 80 anos, foi vítima de um assalto no Convento da Penha, em Vila Velha (ES), um dos mais antigos do Brasil. O franciscano foi amarrado e sofreu algumas escoriações, além de ficar com alterações na pressão arterial.

O assalto aconteceu na tarde de segunda-feira, quando dois rapazes entraram no convento se passando por fiéis, um deles, inclusive, carregando um terço na mão. Eles abordaram Frei Pedro após a Missa, quando este seguia em direção ao escritório para contar o dinheiro da coleta.

Os dois homens, então, amarraram o frade com fita adesiva, pegaram o dinheiro e fugiram. O valor total não foi divulgado.


O próprio Frei Engel conseguiu se soltar, mas ficou com ferimentos por conta do contato da fita adesiva com a pele mais sensível em seus braços e pernas. Além disso, ficou com a pressão arterial alterada. Então, foi encaminhado ao hospital, mas, conforme indica a Arquidiocese de Vitória, já passa bem e está em casa.

A Força Tarefa Capixaba informou por meio de uma nota que 32 militares do Exército foram acionados e se dirigiram ao local do crime, onde estabeleceram a segurança do Convento e vasculharam a região. Entretanto, os assaltantes conseguiram fugir. 

Em nota publicada em seu Facebook, o Convento da Penha confirmou “com tristeza” o ocorrido. Informou ainda que o guardião do Convento, Frei Paulo Roberto Pereira, “havia solicitado reforço ao 38º Batalhão de Infantaria e a Guarda Municipal na última sexta-feira (10), a fim de garantir a segurança dos fiéis que frequentam o local”.

“Vivemos tempos sombrios, mas seguimos crendo numa terra sem males. Pedimos a Deus que nos proteja neste momento de tanta insegurança em nosso Estado. Não podemos permitir que nos matem a esperança”, declarou Frei Paulo.

Vale recordar que o estado do Espírito Santo enfrentou uma onda de violência que teve início no dia 4 de fevereiro, devido ao aquartelamento dos Policiais Militares por conta dos protestos encabeçados por familiares que solicitavam reajuste salarial. Na segunda-feira, mais de 1.200 policias voltaram às ruas das cidades capixabas. Entretanto, ainda continua a ocupação das portas dos batalhões.

Mesmo após este incidente, o Convento da Penha informou que as Missas continuarão sendo celebradas normalmente.
__________________________

ACI Digital