Adsense Teste

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Acabou a polêmica: Devolvem cabeça a Menino Jesus restaurado no Canadá


No ano passado, um grupo de vândalos roubou a cabeça do Menino Jesus da imagem. O Pe. Gerald La Jeunesse, pároco da igreja, indicou que esta não foi a primeira vez que isso havia ocorrido – provavelmente porque a cabeça era pequena e fácil de ser arrancada – e calculou que fazer uma nova cabeça custaria entre 6 mil e 10 mil dólares. Então, como não tinha dinheiro suficiente, deixou o Menino Jesus sem cabeça durante alguns meses.

Uma artista local chamada Heather Wise teve uma boa intenção e disse ao sacerdote que faria uma nova cabeça para colocá-la provisoriamente na imagem. O Pe. Gerald viu como Heather permanecia durante horas trabalhando.


Quando terminou, o resultado de seu trabalho foi criticado pelos paroquianos, porque agora a Virgem carregava um menino com uma cabeça da cor laranja que – conforme indicaram vários usuários nas redes sociais – parecia com a Maggie Simpson, da famosa série animada ‘Os Simpson’.

Este acontecimento recordou a restauração fracassada feita por Cecilia Gimenez, uma senhora de 80 anos, na pintura do Ecce Homo, da igreja de Nossa Senhora da Misericórdia, localizada em Borja (Espanha).


Mais do que representar Jesus durante sua agonia, a pintura de Gimenez ficou mais parecida com um macaco ou homem lobo, com traços deformados e difusos.

Por isso, nas redes sociais nomearam a nova cabeça do Menino Jesus como o “Ecce Homo de Ontario”.

Algo que a artista não suspeitou é que seu gesto faria com que os ladrões devolvessem a verdadeira cabeça do Menino Jesus.


O Pe. Gerald manifestou à CNN que está “feliz pelo resultado”. “Agradeço a artista, pois o seu trabalho chamou a atenção e as pessoas certas foram atraídas a trazer um bom resultado”.
_____________________________________
ACI Digital