Adsense Teste

terça-feira, 15 de março de 2016

Solidariedade de venezuelanos restaura imagem profanada da Virgem Maria


No último domingo, foi restaurada uma escultura da Virgem de Coromoto entalhada em madeira, a qual havia sido pichada por inteiro de vermelho e laranja por alguns desconhecidos no último dia 10 de março no município de ‘El Hatillo’ no estado Miranda (Venezuela).

A restauração desta imagem, Padroeira da Venezuela, foi promovida por vizinhos de ‘El Hatillo’ através de uma campanha de solidariedade nas redes sociais com o hashtag #VirgenDeCoromotoElHatillo.


Os promotores e as pessoas que atenderam a este apelo ajudaram com materiais e trabalho manual o autor da escultura: o arquiteto e escultor Isaías Villarreal.

“Como artista e cidadão, agradeço a assistência e participação de cada um dos vizinhos, amigos e transeuntes à convocação a fim de restaurar a Escultura Urbana em honra à Virgem de Coromoto. Hoje foi um dia maravilhoso, agradeço a ajuda, motivação, companhia e apoio de todos no meu trabalho artístico”, disse o arquiteto em sua conta de Instagram, depois receber o apoio de dezenas de venezuelanos.

 
O artista, mais conhecido como escultor de árvores, trabalhou nesta obra desde o dia 7 dezembro de 2015. Ela já estava em sua fase final, apenas faltavam alguns acabamentos e haviam começado a procurar recursos para construir o pedestal.

“Este acontecimento conseguiu motivar meu compromisso de terminar a escultura da Nossa Padroeira, Virgem de Coromoto”, expressou o artista em um comunicado emitido como resposta ao ato de vandalismo. 


Neste mesmo dia, 13 março, um meio de comunicação local informou acerca de outro ato profano na cidade venezuelana de ‘El Tigre’ (município Simón Rodríguez). Alguns desconhecidos destruíram o rosto de gesso da escultura da Virgem del Valle, localizada na pracinha da igreja homônima nesta cidade.

 
Segundo informações do pároco, Pe. Andrés Arcila, um vizinho viu da janela de sua casa quando um sujeito quebrou com uma marreta a escultura. Ficou surpreendido e o assustou com um grito.

O sacerdote acrescentou que alguns fiéis lhe contaram que há alguns dias também tinham destruído rostos de imagens da Virgem Maria em quatro locais diferentes localizados neste município.
______________________________________
ACI Digital