Adsense Teste

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Itália: manifestação muçulmana contra o terrorismo


Os muçulmanos moderados na Itália fizeram duas manifestações públicas sábado contra o terrorismo, intitulado 'Non nel mio nome' (Não em meu nome), nas cidades de Roma e Milão.

O diretor do Centro Cultural Islâmico da capital italiana, Abdellah Redouane, disse que "o terrorismo não pode atacar em qualquer lugar, em nome dos muçulmanos". A manifestação, que contou com um grande número de pessoas apesar da forte chuva e com forte proteção policial, é a primeira de seu tipo registrada na Itália.

Nos cartazes lia-se: "Solidariedade com as vítimas de Paris", "O Islã é paz", "Não em meu nome", "O Alcorão é contra a violência", "Não ao terrorismo em nome de Deus". Também houve um minuto de silêncio em homenagem às vítimas dos atentados em Paris na última sexta-feira 13.

Na cidade industrial ao norte da Itália, Milão, aconteceu a segunda manifestação, organizada pela Coordenação das Associações islâmicas de Milão. Durante a marcha pelas ruas da cidade, as pessoas gritavam: "Não ao estado islâmico", "Não ao terrorismo, sim às mesquitas". Os fiéis do Islão moderado pediram também ações contra a islamofobia. 

Nos estádios de futebol da Itália, foi tocado La Marseillaise, conforme citado em um comunicado da Serie A. "Em homenagem às vítimas dos trágicos ataques terroristas que atingiram a cidade de Paris na sexta-feira e em solidariedade ao povo francês, La Marseillaise soará em cada estádio no momento em que os times entram em campo”.


A mesma coisa aconteceu na Inglaterra, onde as notas do Marseillaise soou nas etapas da Premier League antes do início dos jogos. O hino francês já havia sido utilizado na terça-feira no estádio londrino de Wembley antes do amistoso entre Inglaterra e França.
________________________________
ZENIT