Adsense Teste

domingo, 6 de setembro de 2015

Grito dos Excluídos: grito para quem?


As notas do hino do Grito dos Excluídos anunciam o lema desta edição de 2015: “Que país é este que mata gente, que a mídia mente e nos consome”.

O Grito chega à sua 21ª edição propondo em especial dois temas para o debate: violência e mídia. Em pauta, a reivindicação daqueles que lutam por igualdade, justiça e vida digna, e os que têm seus direitos negados e violados.

Na tarde desta quinta-feira (03/09), será realizada em São Paulo a coletiva nacional de imprensa. Entre os convidados, estão Dom Pedro Luis Stringhini, bispo da Diocese de Mogi das Cruzes, vice-presidente da Regional Sul da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB); o presidente da União Social dos Imigrantes Haitianos, Fedo Bacourt; e Rosilene Wansetto, da Coordenação Nacional do Grito e Rede Jubileu Sul Brasil.


Neste ano, o Grito trabalhou e divulgou seis eixos principais: “Unir os generosos e generosas”, “Direitos Básicos”, “Desmentir a Mídia”; “As diferentes formas de violência”; “Função do Estado”; “Participação Política e “A rua é o lugar”. Os textos estão circulando em vários veículos de comunicação e entre as coordenações locais.

Mas para quem é dirigido este Grito? Quem responde é Ari Alberti, da coordenação nacional do evento. Clique acima para ouvir.
_____________________________
News.Va